29/01/2016 às 00h29
Municípios

Dom Inocêncio: Município já tem 37 famílias desabrigadas com a chuva

Chuva deixou a cidade isolada; começa a faltar comida e pacientes são levados em botes

É crítica a situação do município de Dom Inocêncio, localizado a 589 km de Teresina. Por conta das chuvas barragens romperam, riachos transbordaram, e muitas famílias ficaram desabrigadas. O início do período letivo poderá ser comprometido, e na cidade, já começam a faltar alimentos e combustível, devido às dificuldades de acesso.

A cidade que há 18 dias estava com sua paisagem seca, em situação de estiagem, precisando inclusive lançar mão dosserviços de carro-pipa para abastecimento, agora enfrenta problemas justamente pelo excesso de água.

Em 15 dias, comenta o prefeito Luzivalter dos Santos, choveu mais da metade do que o ano passado inteiro. Inclusive, enquanto falava com nossa reportagem ao telefone, a chuva voltava a cair no município.

O nível da água no centro da cidade, alagada após o rompimento de pequenas barragens, começa a baixar, mas mesmo assim, 37 famílias ainda continuam desabrigadas. 11 delas estão em escolas. As demais foram para casas de parentes. Há ainda, segundo o prefeito, um grupo que permanece em áreas de risco, pois se recusa a sair.

ISOLAMENTO
Com dois riachos sem condição de travessia, em cada uma das estradas de acesso município, chegar ou sair de Dom Inocêncio, só mesmo de bote. E foi assim que grávidas e paciente que nescessitam de hemodiálise deixaram a cidade entre ontem e hoje. "Fomos com as picapes e o apoio de tratores até a margem do riacho. De lá atravessamos com os pacientes de bote para deixá-los em veículos que já aguardavam do outro lado", explica o prefeito.

12644895_888492544581781_1911173900708549349_n.jpg

Na rodovia que liga a cidade a São Raimundo Nonato, são mais de 50 quilômetros sem asfalto. Obra que há anos está paralisada.

12644753_1100240493341724_8541848914031977788_n.jpg

Com o isolamento, o abastecimento é prejudicado. "Já faltam frios, não temos leite e alguns outros produtos. Os estoques estão acabando", alerta Luzivalter.

Em contato com a Defesa Civil do Estado, a prefeitura analisa as perdas do município para poder decretar estado de emergência.

12552765_948719878539459_3244356436572445516_n.jpg

INÍCIO DAS AULAS E ZONA RURAL
Como a maioria dos alunos em Dom Inocêncio mora na zona Rural, o início do período letivo pode ser comprometido. "Não estamos conseguindo sequer ter condiçoes de transportar estes alunos. Na zona Rural a energia ainda não foi restabelecida, simplesmente porque as equipes da Eletrobras não conseguem chegar ao município", informa o prefeito.

No povoado Poços, como mostram imagens enviadas pelo leitor Regivaldo Ferreira, uma casa foi invadida pela água, assim como outra dezena no município.

1382274_888503827913986_2031808938283487372_n.jpg

12523174_888494191248283_1331315296566129783_n.jpg

12552509_888493791248323_4273301275850369753_n.jpg

12552907_888503777913991_4973813979539919985_n.jpg

12573747_888503647914004_2047350694987007948_n.jpg

12644998_888503717913997_1692641033094243831_n.jpg

12645089_888504171247285_5278755000422593212_n.jpg

12647038_888494311248271_1242959768174844048_n.jpg

12647551_888503981247304_2782062901177181666_n.jpg

12650830_888492644581771_5277178553639971310_n.jpg

Fonte: Jhone Sousa/180graus.com
DEIXE SEU COMENTÁRIO
Comente usando o Facebook
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

FACEBOOK

 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
© Copyright 2012 - 2017. Todos os direitos reservados.
  topo