29/09/2015 às 13h45
Esporte

Bispo declara na Record que Globo é grande responsável pela criminalidade

Abordou o sucesso de 'Os Dez Mandamentos', que tem vencido por algumas vezes o 'Jornal Nacional'

Desde o fim dos anos 80 e início de 90, quando algumas reportagens mostraram investigações de práticas ilícitas, a Igreja Universal do Reino de Deus troca farpas publicamente com a Rede Globo.

O fato se agravou em 1995, quando a emissora carioca exibiu no "Jornal Nacional" uma lendária reportagem do Bispo Edir Macedo ensinando os seus pastores a pedir dinheiro. De lá para cá, sempre houve farpas e brigas entre as duas emissoras.

Na madrugada desta segunda para terça-feira (29), mais um capítulo deste problema. O tradicional "Fala Que Eu Te Escuto", exibido nas madrugadas da Record, abordou o sucesso de "Os Dez Mandamentos", que tem vencido por algumas vezes o "Jornal Nacional" e a novela "A Regra do Jogo".
No entanto, em seu depoimento final, o Bispo Clodomir Santos, apresentador da atração, atacou a Globo e deu a entender que o crescimento da criminalidade no Brasil se deve a exibição de um seriado seu.

O Bispo falou que o programa se chamava "Comando Vermelho", mas ele se referiu na verdade ao "Bandidos da Falange", de 1983, escrito por Aguinaldo Silva e pioneiro ao levar o tema de violência urbana para a TV brasileira. A série contava a história de um homem que cria uma facção criminosa na Baixada Fluminense, para reaver diamantes que ficaram com um comparsa que faleceu.

"É comum as pessoas atribuírem as mazelas do nosso país aos nossos políticos. Mas por muito tempo, quem formou opinião no Brasil, foi a Rede Globo. Tudo isso que está acontecendo hoje em dia, foi ela que gerou, foi ela que produziu, foi ela que provocou. Eu entrei para a vida do crime quando eu tinha 12 anos. E sabe qual era o meu incentivo e dos que estavam comigo? Quando a Globo estreou a minissérie 'Comando Vermelho' (na verdade, 'Bandidos da Falange', de 1983), era hora de que eu saía da boca de fumo e ia assistir. Quando terminava, saíamos cheios de gás", afirmou o Bispo.

Na internet, muita gente concordou com ele. Porém, outros vários consideram que Clodomir "não olhou a programação da Record" nos últimos anos.

A grande maioria citou com exemplo a novela "Vidas Opostas", exibida em 2007, que tratava da guerra urbana de traficantes e que fez sucesso com várias cenas de tiroteio e venda de drogas. Outros também lembraram de "A Lei e o Crime", seriado de 2009, que também fez muito sucesso e contava a história de um homem que vira dono de uma boca de fumo em uma comunidade depois de uma tragédia familiar. Se tivesse sido coerente, segundo estas pessoas, o Bispo deveria ter citado as duas tramas produzidas pelo canal paulista.

Fonte: Com informações de Uol
DEIXE SEU COMENTÁRIO
Comente usando o Facebook
 
 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

FACEBOOK

 
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
© Copyright 2012 - 2017. Todos os direitos reservados.
  topo